Além da música: Conheça o significado de The Enemy Inside novo single do Fenrir’s Scar

Na última sexta-feira, dia 04/09 lançamos oficialmente nosso novo single, The Enemy Inside nos serviços de streaming.

Ouça nossas músicas no Spotify

Mas antes disso o single já havia sido apresentado no LVNA FEST II no sábado dia 29 de Agosto canal do Youtube do LVNA Art. O LVNA fest foi um festival beneficente em prol da ONG Mulheres da Luz.

Assista ao Webclipe de The Enemy Inside

Mas, sobre o que essa música fala? Qual o siginificado por trás da letra dela? Inclusive, se quiser ler a letra ou a tradução da música clique aqui.

The Enemy Inside é mais uma música com um significado pessoal. O álbum, “Love | Hate | Hope | Despair” ganhou esse nome, por ter músicas muito pessoais e cheias de sentimentos. E esses quatro sentimentos são os principais cardeais das letras: Amor, Ódio, Esperança e Desespero (ou desesperança).

Algumas dessas músicas abordam um ou mais sentimentos. The Enemy Inside, especificamente aborda dois sentimentos: Ódio e Desespero.

The Enemy Inside é uma canção sobre nosso sabotador interno – ou como diria RuPaul – Inner Saboteur. Aquela voz na nossa cabeça dizendo que não somos bons o suficientes, e que precisamos lutar contra essa voz. E que às vezes o nosso maior inimigo, somos nós próprios.

Essa foi a última letra, que eu, Desireé escrevi para o álbum. E ela nasceu logo após gravarmos o clipe de Heal You. Tive uma crise de ansiedade muito forte após ver a prévia do clipe, e naquele ponto eu não me sentia boa em suficiente em nenhum aspecto da minha vida.

Após essa crise, eu escrevi essa letra, com a intenção de me libertar desses sentimentos e junto da terapia, isso me ajudou muito. É claro que esse problema não desapareceu em um passe de mágica. Mas fez com que eu olhasse melhor para dentro de mim mesma e tentasse evitar esses pensamentos de inferioridade. Mas confesso que é uma luta diária.

Capa: Um espelho se quebrando

Sobre o conceito da capa, eu não consegui imaginar outro símbolo para essa luta contra nosso inimigo interno, que não fosse um espelho. O objeto que reflete nossa imagem e em algumas culturas, também reflete o nosso espírito. O fato dele estar brilhando e sendo quebrado ao mesmo tempo representa essa dualidade: da luta, e se sentir quebrado, e da libertação.

O Webclipe dessa música foi filmado por mim e pelo André, assim como a concepção do conceito e direção. Na verdade o André foi mais diretor desse vídeo. Tinhamos a idéia de fazer o vídeo com um fundo preto, e toda essa atmosfera mais dark para combinar tanto com a letra como com o peso da música. Mas no meio da gravação o André teve a ideia de eu segurar a camera, e ter um efeito parecido com o filme A Bruxa de Blair para deixar mais evidente o desespero que a música passa. Isso com os recursos limitados que uma banda independente tem, no meio de uma pandemia!

O vídeo foi editado por Ian Pinheiro.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s